A preparação para qualquer competição é algo que todos os atletas se lembram mas os cuidados depois da prova, há muitos que se esquecem. E escrevo este artigo porque isso aconteceu-me depois da meia-maratona de Lisboa a 15 de Outubro de 2017. Depois de uma prova desta intensidade, o corpo precisa de muitos cuidados para voltar ao seu estado habitual.

Lembro-me quando decidi que ia correr os 21.195km que tinha toda uma alimentação em mente para os dias antes da prova,  os treinos já organizados e planeados com exercícios de força alternados com alongamentose. Para o durante a prova, a preocupação era ir mantendo a hidratação e não saltar nenhum abastecimento (Vejam mais sobre a minha prova aqui.) mas a verdade…

…é que não me lembrei de nada que tivesse de fazer depois da prova a não ser beber bastante água e fazer uma boa refeição rica em hidratos de carbono e proteínas. Mas isso não era suficiente…

Quando terminei a corrida, alonguei bastante, comi e fui para casa. Tomei um banho e saí para um brunch. Nesse dia deitei-me cedo, estava cansada e tinha as pernas doridas. Uma mistura de músculos cansados com dores no joelho derivado da lesão que tinha contraído umas semanas antes . No dia a seguir a prova sentia-me bem, fui treinar superiores e fiz uma semana com 3 treinos de musculação. Hoje sei que não devia ter treinado. Devia ter ficado a descansar. Comi bem mas se calhar não comi o suficiente. Bebi água mas se calhar não me hidratei o suficiente.

Depois da prova fiquei doente algumas vezes.  As refeições 24h a 48h após uma prova são essenciais para a recuperação muscular rápida tal como um bom descanso e uma noite bem dormida. Hoje deixo-vos aqui as dicas que eu devia ter respeitado e que tenciono ter em conta nas próximas corridas longas.

CUIDADOS A TER DEPOIS DE UMA CORRIDA

  • Imediatamente após a corrida é fundamental repor os gastos do corpo com uma bebida energética (para além da água, inclui os minerais perdidos durante o gasto físico) e uma banana. Um batido de proteina (seja ele whey protein ou bebida vegetal) também é uma boa opção.
    • O que eu fiz: uma banana e chocolate preto imediatamente após.
  • Passadas 2h-4h as refeições ricas em hidratos de carbono e proteínas devem ser mantidas: carne, peixe, ovos, leguminosas são alimentos que ajudam a dar energia mas também a recuperar os músculos desgastados.
    • O que eu fiz: Cerca de 2h depois fui a um brunch onde optei por: sumo de laranja, pão, panquecas e salada de frutas e ficamos por lá a tarde quase toda. à noite não tinha muito apetite, fiquei-me por uma sopa.
  • A hidratação é fundamental, e nisso a água é o nosso melhor amigo. Não deixar de beber água nas horas seguintes para evitar a desidratação do corpo.
    • O que eu fiz: Confesso que bebi alguma água durante a prova e quando terminei mas nas horas seguintes ao longo do dia não tive esse cuidado.
  • Respeitar o descanso do corpo. Por mais que se sintam bem no dia seguinte, descansem!!! Ou então optem por exercícios com muito pouco impacto. Yoga, pilates ou natação podem ser boas opções.

Agora que tenho em mente um plano para a pós-corrida, vou ter o dobro do cuidado para olhar pelo meu corpo e garantir que não me descuido. Ansiosa pela prova de dia 11 de Março. Mais alguém desse lado que se vai inscrever? 🙂