Como prometido no primeiro post, hoje venho falar-vos da minha nova alimentação do plano Strong&Sexy acompanhada pela team.  Já tinha falado aqui que tinha mudado recentemente a minha alimentação quando comecei o coaching à três semanas atrás mas essa mudança não foi apenas focada em novos alimentos, antes pelo contrário. Grande parte do foco foi nas quantidades que preciso para atingir os objetivos.

Com base na vossa condição inicial e objetivo final, são calculadas as vossas macros (se não sabem o que é, espreitem este post) ou seja, as vossas necessidades de proteína, gorduras e hidratos de carbono diárias. No meu caso, o objetivo é aumentar a massa muscular logo terei de aumentar o meu peso e consequentement aumentar as doses nas minhas refeições. Infelizmente (ou não) não é suficiente ir ao mac e comer tudo o que me aparecer à frente ihih

A minha maior preocupação era: Mas vou ter de andar de balança atrás? Como é que vou saber o peso e as macros de cada alimento? Fácil! Primeiro de tudo, no stress! É normal não saber tudo ao pormenor e não é problemático. As macros desenhadas já têm alguma margem de erro, o importante é tentar atingir-las diariamente. Depois, há uma aplicação que ajuda muito e chama-se myfitnesspal onde eu escrevo a minha alimentação diariamente.

Confesso que nunca tinha feito nenhum tipo de acompanhamento de macros mas até ao momento tem corrido bem. Não é exaustivo nem complicado como pensei.  É muito fácil poarque a maior parte dos alimentos estão na aplicação, então é so escrever o que comeram, procurar e escolher o que melhor se adequa. Easy, right? Então, o que é que eu como normalmente:

PEQUENO-ALMOÇO

  • Batido de frutas (bebida vegetal, fruta, aveia)
  • 2 fatias de pão escuro com azeite OU
  • Panqueca proteica

LANCHE DA MANHÃ

  • Fruta + frutos secos

ALMOÇO/JANTAR

  • Sopa Legumes
  • Peixe ou carne com arroz
  • 1-2 q. chocolate preto*

LANCHE DA TARDE

  • Fruta
  • 2 fatias pão escuro com azeite

*  ao jantar não como chocolate preto

E o que é que faço para além da base descrita para atingir as macros nos dias que sei que posso não as atingir?

Para além do plano acima descrito, estas são algumas ideias…

  • Proteínas – normalmente como atum ou ovos cozidos, mexidos ou estrelados
  • Hidratos de carbono – este é o mais fácil, aumento a dose de arroz ao jantar ou faço pipocas à noite
  • Gorduras – ou azeite no pão (amoooo) ou manteigas de frutos secos

Como sempre disse, o mais importante para mim não é atingir objetivos a curto prazo nem ter “dietas” que não são sustentáveis mas sim ter um estilo de vida que possa SEMPRE manter independentemente de condições externas


Como estou numa fase de ganho de massa muscular, a minha ingestão de proteína é fácil de atingir e daí não precisar de consumir quantidades enormes de proteína em todas as refeições. Não se esqueçam que o principal objetivo é ter uma dieta que seja possível ser consistente a longo prazo.